Posts

A realidade da Educação no Brasil

O Dia Internacional da Educação foi estabelecido em referência ao encontro de representantes de 180 países no Fórum Mundial da Educação, que aconteceu no dia 28 de abril de 2000, em Dakar, Senegal. Na ocasião, foi assinado um documento no qual estes países se comprometiam a não poupar esforços para que a educação chegasse a todas as pessoas do planeta até 2015.

Infelizmente, o objetivo não foi atingido totalmente. Alguns avanços aconteceram, mas nem todos os povos têm acesso a uma Educação de qualidade, que era o objetivo principal do Fórum.

No Brasil os números ainda são desanimadores, vejam alguns dados do IBGE de 2018, divulgados em 06/2019, que embora um pouco melhores do que o ano anterior, mostram que dentre os brasileiros na faixa etária de 25 anos:

52,6% não concluíram o mínimo de estudo esperado

33,1% tem o Ensino Fundamental incompleto

8,1% tem o Ensino Fundamental completo

4,5% tem o Ensino Médio incompleto

16,5% da população acima de 25 anos concluiu o ensino superior

Ainda temos 11,3 milhões de brasileiros analfabetos ou 6,8% da população brasileira.

Embora o Ministério Público Federal nos lembre de que a Educação é um direito fundamental de todos os brasileiros que deve ser assegurado pelo Estado, a mesma ainda está longe de grande parte do povo brasileiro.

O acesso à Educação de qualidade é um dos direitos básicos de todo ser humano. O aprendizado, a possibilidade de estimular habilidades sócio emocionais e o desenvolvimento da compreensão técnica, da linguagem e do raciocínio são fatores muito importantes para os indivíduos e para a sociedade.

Se as pessoas têm oportunidade de acesso a uma Educação de qualidade, aumentam as chances de elas terem uma vida digna e de exercerem a cidadania de forma plena. Além disso, a Educação abre portas para outros direitos, como saúde, trabalho e lazer.

Somente por meio dela é possível achar soluções para problemas como a pobreza e a violência. Além disso, através da Educação também se garante acesso a outros direitos humanos, como a igualdade e o fortalecimento da democracia.

Sem enveredarmos em questões políticas quanto a “gestão” do Ministério da Educação no atual Governo, gostaríamos de destacar o belíssimo trabalho feito por algumas ONGs que vem se dedicando arduamente em melhorar o Brasil através da Educação.

Abaixo os links de algumas delas, para que você possa entender melhor o trabalho que é feito e, como pode colaborar:

https://www.todospelaeducacao.org.br/

https://institutoayrtonsenna.org.br/pt-br.html

http://www.vagalume.org.br/

http://www.avante.org.br/

https://www.projetouere.org.br/

https://www.institutounibanco.org.br/

https://www.fmcsv.org.br/pt-BR/

“Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda.” Paulo Freire

Abaixo as matérias que embasaram nosso post e servem como uma boa leitura e reflexão sobre esse tema tão importante:

https://escoladainteligencia.com.br/voce-conhece-o-dia-mundial-da-educacao-saiba-mais-sobre-a-data/

http://bennett.br/noticias/por-que-existe-o-dia-internacional-da-educacao

https://www.redebrasilatual.com.br/cidadania/2019/06/pesquisa-ibge-mostra-que-educacao-brasileira-ainda-nao-e-para-todos/

https://g1.globo.com/educacao/noticia/2019/06/19/mais-da-metade-dos-brasileiros-de-25-anos-ou-mais-ainda-nao-concluiu-a-educacao-basica-aponta-ibge.ghtml

https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/25885-11-8-dos-jovens-com-menores-rendimentos-abandonaram-a-escola-sem-concluir-a-educacao-basica-em-2018

Ao entrar nas páginas de um livro, aprendemos não só novas palavras e frases mas, podemos aprender novas culturas, experimentar diferentes emoções, adquirir novas habilidades e diferentes conhecimentos.

Por esse motivo, devido ao grande potencial de aprendizado, quanto mais cedo introduzirmos a leitura no desenvolvimento infantil, teremos benefícios mais vastos e inegáveis!

Ler por prazer beneficia a educação, o desenvolvimento social, o bem-estar e a saúde mental de uma criança.

Vários estudos afirmam que, quanto mais cedo se introduz a leitura para uma criança, mais as mesmas terão habilidades diferenciadas no período de alfabetização.

Mas os benefícios da leitura para uma criança vão muito além disso, pois já está comprovado que a mesma proporciona:

Desenvolvimento Cognitivo : ao ler para as crianças você fornece a elas um profundo entendimento sobre o mundo e, enche seu cérebro de novos conhecimentos, estimula seu pensamento crítico e, a partir daí elas irão entender melhor o que veem, ouvem e leem.

Desenvolvimento da Empatia: através da leitura experimentamos vivenciar outros personagens e, podemos identificar o que eles estão sentindo. A partir dela as crianças terão uma maior compreensão das suas próprias emoções e da dos outros também. Isso vai colaborar e muito no seu desenvolvimento social.

Aprofunda o conhecimento: ao ler um livro uma criança aprende sobre pessoas, lugares, eventos, ampliando sua forma de ver o mundo e diferentes culturas.

Construção de  relacionamentos mais fortes:  a prática de leitura com regularidade desenvolve um maior vínculo entre pais/cuidadores e a criança, pois além do conhecimento proporciona a elas sentimentos como atenção, cuidado, amor e segurança, que são essenciais para sua formação e promovem uma sensação imediata de acolhimento.

Além disso, ler com as crianças desde cedo, vai despertar o gosto e o prazer pela leitura e, lá na frente um melhor desempenho na escola, em todas as matérias e, não só em português, gramática e literatura.

E mesmo que você ache que a criança é muito pequena e, que ela não está compreendendo exatamente o que você está lendo, saiba que ela pode, com poucos meses, começar a perceber que, ao manusear um livro, a história se desenvolve da esquerda para a direita, que é preciso virar a página para continuar, além disso, você estará estimulando seu cérebro com a aquisição de palavras, que vão auxilia-la no processo de linguagem, e futuramente a ter um vocabulário mais extenso.

A leitura para as crianças também estimula uma maior concentração, aumenta sua memória, sua criatividade e a imaginação, ou seja, quanto mais ela lê, melhor ela se tornará.

Um importante projeto de incentivo à leitura infantil é o “Leia para uma criança” patrocinado pelo Itaú Unibanco e Itaú Social, que em sua 9ª Edição, em 2019, fez a doação gratuita de 3,6 milhões de livros físicos e digitais (link abaixo) e, que traz como lema:

“Quando você lê para uma criança, ela pode buscar o futuro que quiser.”

https://www.itau.com.br/crianca

Abaixo seguem as referências que nos inspiramos:

https://www.edarabia.com/why-reading-important-children/

https://www.highspeedtraining.co.uk/hub/why-is-reading-important-for-children/

http://www.teamtex.com.br/blog/qual-e-a-importancia-da-leitura-para-criancas-e-como-incentiva-la

https://www.publishnews.com.br/materias/2019/10/09/itau-social-lanca-campanha-leia-para-uma-crianca-de-2019